O tipo de alimento que deixa seu cérebro 11 anos mais jovem

Uma porção diária de vegetais de folhas verdes pode preservar memória e habilidades de pensamento, mostra nova pesquisa.

Os adultos mais velhos que comeram pelo menos uma porção destes vegetais eram o equivalente a 11 anos mais jovens cognitivamente, em comparação com aqueles que comeram pouco.

Leia também:

Drª Martha Clare Morris, a epidemiologista nutricional que liderou o estudo, disse:

Adicionar uma porção diária de vegetais verdes folhosos a sua dieta pode ser uma maneira simples de ajudar a promover a saúde do cérebro.

Continua a haver aumentos acentuados no percentual de pessoas com demência como os grupos etários mais velhos continuam a crescer em número. São extremamente necessárias estratégias eficazes para prevenir a demência.”

O estudo seguiu 960 pessoas com uma idade média de 81 anos, nenhum dos quais tinha demência. Suas habilidades de memória e pensamento foram testadas uma vez por ano por cerca de 5 anos.

Cada pessoa informou quantas vezes comia verduras, incluindo salada e alface. Quando eles foram acompanhados, os resultados mostraram que quanto mais folhas verdes eles comiam, melhor a sua saúde cognitiva.

Drª Morris disse:

“Os resultados do estudo não provam que comer vegetais de folha verde retarda o envelhecimento do cérebro, mas mostra uma associação. O estudo não pode descartar outras possíveis razões para a ligação.

[…]

Já que o estudo se concentrou em adultos mais velhos com a maioria dos participantes sendo branco, os resultados podem não se aplicar aos adultos mais jovens e pessoas de cor.

Os resultados precisam ser confirmados por outros pesquisadores em diferentes populações e através de ensaios randomizados para estabelecer uma relação de causa e efeito entre os que comem folhas verdes e reduções na incidência de declínio cognitivo”.


O estudo foi publicado na revista Neurology  ( Morris et al., 2017 ).

Via Psyblog.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.