Gamofobia (Medo de compromisso): Sintomas e tratamento

Gamofobia - Medo de casamentoGamofobia é o medo do compromisso, mas também pode ser o medo de casamento excessivo, persistente, incontrolável e irracional. O termo gamofobia é derivado da palavra grega Gamos, que significa casamento e phobos, que significa medo. No entanto, muitos especialistas concordam que há uma sutil diferença entre fobia de casamento e fobia de compromisso. Uma pessoa pode ter medo de se casar, mas pode ainda continuar comprometida com um único parceiro pela vida.


Gamofobia não é apenas ter “os pés frios” com a ideia de casamento; é o medo mórbido com a ideia de casar. Esse temor é descrito como sendo ‘paralelo ao medo de morrer‘. As pessoas que sofrem desta fobia preferem ser celibatárias / solteiras, ou permanecer em um relacionamento sério, sem nunca amarrar o nó.

Há muitas situações relacionadas e confundidas com a gamofobia, como por exemplo:

  • fobia de compromisso
  • medo de relacionamento
  • medo de amar
  • medo de compromisso serio
  • medo de casar
  • homem com medo de se apaixonar e ser traído
  • gamofobia feminina
  • pânico de casamento
  • medo de casar com a pessoa errada
  • medo antes do casamento (ansiedade)
  • medo de casar de novo

Causas do medo de compromisso (fobia)

Tal como acontece com qualquer outra fobia específica, gamofobia também é causada por uma intensa experiência negativa no passado. Ela traumatiza o indivíduo e leva o sofrimento a um grau em que ele / ela “aprende” a ter medo de compromissos. Passa então a criar imagens negativas ou imagens mentais ruins sobre o casamento.

Muitas vezes, fatores como hereditariedade, genética, insuficiência adrenal, tendência a ataques de ansiedade ou de ser ‘tenso’ também podem causar um medo de compromisso / gamofobia.

Os sintomas da gamofobia – fobia de compromisso

Uma pessoa com fobia de compromisso e/ou casamento apresenta muitos sintomas psicológicos só de pensar ou falar em casamento / compromisso:

Os sintomas psicológicos da gamofobia incluem:

  • Sentimento de medo ou terror ao pensar em casamento.
  • A pessoa pode percorrer grandes distâncias para evitar o tema ou pessoas que podem falar sobre isso. Ela pode sofrer de ansiedade incontrolável que torna difícil para a pessoa viver normalmente.
  • O indivíduo entende que esse medo é irracional, mas é impotente para controlá-lo.
  • Pensamentos muito ruins e imagens negativas são prováveis.
  • Sensação de perder o controle ou enlouquecer também são experimentadas por gamofóbicos.

Os sintomas físicos do medo do compromisso são:

  • Tremor
  • Náusea
  • Choro
  • Aumento da freqüência cardíaca
  • dor no peito, tonturas, desmaios
  • Sudorese, falta de ar

Como curar Gamofobia / Perder medo de compromisso

Como é o caso com outras fobias específicas, gamofobia também pode ser curada utilizando uma variedade de técnicas eficazes. O tratamento para gamofobia junto com a ajuda e apoio de familiares e amigos pode percorrer um longo caminho na busca por ajudar o indivíduo a superar o medo de compromisso.

  • Terapia da conversa é a primeira linha de tratamento recomendada para fobia de compromisso. O doente é aconselhado a falar sobre seus medos, os meandros de compromissos e outros aspectos do casamento com uma pessoa de confiança. Pode ser um mentor, um pai, um amigo ou um profissional especialista em saúde mental. De fato; dependendo do grau e extensão da fobia, o melhor é procurar ajuda de um psicólogo.
  • Hipnoterapia é outra terapia altamente eficaz que pode ajudar a traçar as raízes da gamofobia para ajudar a desaprender respostas negativas formadas sobre o casamento ou compromisso e assim superar a fobia.
  • A terapia comportamental e terapia de exposição sistemática são dois outros métodos eficazes para superar esta fobia.

As pessoas que estão em um relacionamento sério, mas sofrem do medo / fobia de casamento devem encontrar maneiras de tratá-lo e também confiar em seus parceiros sobre o assunto. Fobias podem sair do controle se não tratadas. Isso pode causar uma grande dose de sofrimento emocional para todos os envolvidos. No entanto, há esperanças de curar a gamofobia e perder o medo de compromisso, tornando o “felizes para sempre” possível.

 

comprar livro freud analises de fobias menino hanslivro ansiedade fobias sindrome do panico comprar  medos fobias panico livro comprarcomprar livro tratando fobia panico depressao

 

 

 
 
 
 
 
 
 


Quer ler o site sem anúncios + conteúdo exclusivo?
☆ Assine o Psicoativo Premium


5 comentários

  1. Jorge Joaquim Responder

    Eu tou numa relação acessível mente 6 meses e vivemos de constantes brigas com minha namorada o que me deixa muito chateado é que ela sempre tem me comparado com ex namorado ate que uma vez disse me que de todas as vezes que lhe deixo triste o ex namorado tem a ligado e ela se sente muito bem e com vontade de abraço lo e se fisicamente estivesse acredita que ate beijo ia rolar e isso me deixou muito triste. Ela passa o tempo todo a me avaliar.
    E isso não será gamo fobia?

    • Jonathan Felix Responder

      Meu caro, sinto em lhe dizer mas você está correndo riscos de se machucar muito com esse relacionamento diante desse seu comentário. Talvez você seja vitima de uma co-dependência ao permanecer nesse relacionamento. Seria bom analisar tudo e quem sabe procurar ir à algumas sessões com um psicologo.

  2. Li Responder

    Estou a um relacionamento a 6 anos amo ele mas não consigo pensar em casamento, ele quer muito casar comigo quando insisti muito eu falo até em terminar o namoro. Ele me ama muito mas já não quer essa situação o que devo fazer procurar ajuda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.