‘Epidemia de Solidão’ mata mais que obesidade e é problema de saúde pública

Monofobia - Medo de ficar sozinho
Os pesquisadores dizem que a solidão e o isolamento social são os principais fatores de risco para morte prematura.
 –
Leia também:
A obesidade tornou-se um importante problema de saúde pública, afetando mais de um terço dos adultos nos Estados Unidos. Uma nova pesquisa, no entanto, sugere que há duas ameaças maiores: solidão e isolamento social.
Duas novas meta-análises da Young University Brigham (BYU) em Provo, UT, revelam que solidão e isolamento social podem aumentar o risco de morte prematura em até 50%.A co-autora do estudo, Julianne Holt-Lunstad, Ph.D., professora de psicologia na BYU, e seus colegas recentemente apresentaram suas descobertas na 125ª Convenção Anual da American Psychological Association, realizada em Washington, DC.

Enquanto solidão e isolamento social são muitas vezes usados ​​como sinônimos, há diferenças notáveis ​​entre os dois. O isolamento social é definido como uma falta de contato com outros indivíduos, enquanto a solidão é o sentimento de que se está emocionalmente desconectado dos outros. Em essência, uma pessoa pode estar na presença de outras pessoas e ainda se sentir solitária.

De acordo com uma pesquisa com mais de 2.000 adultos nos EUA, cerca de 72% relataram terem se sentido solitários em algum momento de suas vidas. Desses adultos, cerca de 31% relataram sentirem-se sozinhos, pelo menos uma vez por semana.

Solidão e isolamento social têm sido associados a problemas de saúde. Um estudo relatado pelo Medical News Today no ano passado, por exemplo, sugeriu que a solidão pode estar ligada à doença de Alzheimer , enquanto outra pesquisa ligava isolamento social à sobrevivência reduzida em pacientes com cancro da mama.

Para esta última pesquisa, Profª. Holt-Lunstad e sua equipe procuraram determinar como solidão e isolamento social influenciam o risco de morte prematura.

‘Provas contundentes’ que a solidão mata

Os pesquisadores chegaram a suas descobertas através da realização de duas meta-análises de estudos que analisaram a ligação entre a solidão, o isolamento social e mortalidade.

A primeira meta-análise incluiu mais de 300.000 adultos através de 148 estudos, enquanto que a segunda era composta de 70 estudos envolvendo mais do que 3,4 milhões de adultos.

Os dados da primeiro meta-análise revelaram que o risco de morte prematura foi 50% mais baixo para adultos que tinham uma maior ligação com os outros, em comparação com aqueles que foram isolados socialmente.

A partir da segunda meta-análise, os pesquisadores descobriram que a solidão, o isolamento social, e viver sozinho foram associados com um risco aumentado de morte prematura.

Além disso, a equipe descobriu que o risco de morte precoce associada com a solidão, o isolamento social, e viver sozinho foi igual ou maior do que o risco de morte prematura associada à obesidade e outras condições importantes para a saúde.

Existem fortes evidências de que o isolamento social e a solidão aumentam significativamente o risco de mortalidade prematura, e a magnitude do risco ultrapassa a de muitos indicadores principais de saúde.” – Julianne Holt-Lunstad, Ph.D.

Profª. Holt-Lunstad observa que estes resultados são particularmente preocupantes dado que o envelhecimento da população está aumentando.

“De fato, muitas nações ao redor do mundo sugerem agora que estamos diante de uma ‘epidemia de solidão'”, acrescenta ela. “O desafio que enfrentamos agora é o que pode ser feito sobre isso.”

De acordo com a Profª. Holt-Lunstad, uma maneira de ajudar a superar a epidemia de solidão é colocar mais recursos no combate à solidão entre indivíduos e como sociedade.

Por exemplo, ela sugere que deve haver mais foco no treinamento de habilidades sociais para crianças em idade escolar, e que os médicos devem pensar em incorporar conexão social na triagem médica.

Além disso, Profª. Holt-Lunstad diz que os adultos mais velhos não só devem se preparar para as implicações financeiras da aposentadoria, mas para as sociais, também, observando que as conexões sociais de muitos adultos decorrem do local de trabalho.

Leia também:


Via Medical News Today.



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.