Como a falta de sono afeta o comportamento humano

Os indivíduos que sofrem de falta de sono podem ser mais irritáveis, “pavio curto” e vulneráveis ao estresse. Raiva, estresse, tristeza e exaustão mental podem acompanhar até mesmo pequenas quantidades de privação de sono.

Assim como pequenas quantidades de privação do sono podem ter um impacto sobre o humor, condições como insônia crônica podem aumentar o risco de um indivíduo desenvolver um transtorno de humor, como ansiedade ou depressão. A falta de sono é um importante fator de risco para a depressão, transtornos de ansiedade e até mesmo transtornos de pânico. Estes transtornos do humor podem, por sua vez, tornar mais difícil dormir. Indivíduos que sofrem de estresse crônico ou ansiedade podem ter vários problemas para dormir e permenecer dormindo.

Todd Maddox, do Instituto de Neurociência da Universidade do Texas em Austin, sugeriu um processo chamado neuroreabilitação para resolver a questão da privação do sono em empregos de alta pressão. Maddox espera ser capaz de ensinar as pessoas a ter partes do cérebro não afetadas pela privação do sono conseguindo executar tarefas que normalmente são feitas pelas partes do cérebro que são afetadas pela privação do sono. A pesquisa de Maddox descobriu que o córtex frontal é severamente prejudicado pela falta de sono, em oposição ao corpo estriado que pode funcionar bem nessas condições.


Fontes: forbes.com | harvard.edu



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.