Smartphones causam depressão e problemas de relacionamentos

Celular (smartphone) tornou-se inseparável da vida moderna. De acordo com o Pew Research Center, quase 2/3 dos americanos são proprietários de smartphones, e esse número continua a subir todos os dias. As pesquisas mais recentes, em 2015, sobre o uso do smartphone mostram:

  • 64% dos adultos americanos possuem um smartphone de algum tipo
  • 85% dos jovens adultos são proprietários de smartphones

E mais de nós estão usando smartphones para tarefas diárias que costumavam exigir um computador:

  • 62% dos proprietários de smartphones usaram seu telefone no ano passado para pesquisar uma condição de saúde.
  • 57% têm usado seu telefone para fazer serviços bancários online.
  • 44% têm usado seu telefone para pesquisar imóveis.
  • 43% para procurar informações sobre um trabalho.
  • 40% para procurar serviços ou informações do governo.
  • 30% para ter uma aula ou obter conteúdo educacional.
  • 18% para procurar emprego.

(Pew, 2015)

Então, como isso afeta todo o resto que estamos fazendo, enquanto nós estamos usando nossos celulares?

Se mais de nós estão multiatarefados, e desta forma, usamos os aparelhos enquanto estamos fazendo compras de supermercado, ou assistindo TV, ou jantando com a família ou amigos – qual o novo impacto que os smartphones tem nas atividades ou nas pessoas envolvidas nelas?

Nova pesquisa sugere que smartphones tem impacto sobre nossas vidas e relacionamentos. Um novo estudo da Hankamer School of Business da Universidade de Baylor viu que o uso do smartphone pode contribuir para problemas em relacionamentos românticos e causar maiores taxas de depressão em usuários.

No estudo, os pesquisadores conduziram duas pesquisas diferentes, utilizando 453 adultos dos Estados Unidos para estudar os efeitos do que tem sido chamado de “phubbing” – um tipo de snubbing.

phubbing - Smartphones causam depressão e problemas de relacionamentos

O que é Phubbing?

Os pesquisadores definiram phubbing como a medida em que as pessoas usam ou estão distraídas com seus telefones, enquanto estão com os seus parceiros românticos (Eckert, 2015).

O estudo revelou que quando os parceiros se sentem phubbed (esnobados por causa do celular) eles criam conflito e menores níveis de satisfação com o relacionamento. Isso desencadeia uma reação em cadeia. Baixa satisfação com o relacionamento leva a uma menor satisfação com a vida em geral, que por sua vez leva a níveis mais elevados de depressão (Eckert, 2015).

Os pesquisadores também descobriram que os parceiros com um estilo de apego ansioso que eram menos seguros em seus relacionamentos foram mais incomodados pelo phubbing do que aqueles com um estilo de apego mais seguro. No geral, os pesquisadores sentiram que a informação pode nos ajudar a entender o impacto sobre o mundo que nos rodeia de distrações, mesmo momentâneas, através de nossos telefones.

LEIA MAIS SOBRE SMARTPHONES:



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.