Medo de coisas pequenas (Microfobia): Causas, sintomas, tratamentos

O que é Microfobia?


Microfobia é o medo de coisas pequenas. A origem da palavra microfobia vem do grego micro (que significa pequeno) e fobia que significa medo). Microfobia é considerada uma fobia específica e é oposta à megalofobia – o medo de coisas grandes.

microfobia - medo de coisas pequenas - homem-formiga

Quais são as causas da microfobia?

É geralmente aceito que as fobias surgem de uma combinação de eventos externos (eventos traumáticos) e predisposições internas (hereditariedade ou genética). Muitas fobias específicas podem ser rastreadas até um fato gerador específico, geralmente uma experiência traumática em uma idade precoce. Fobias sociais e agorafobia têm causas mais complexas.

Acredita-se que a hereditariedade, genética, e o funcionamento químico do cérebro, além das experiências de vida, desempenham um papel importante no desenvolvimento de fobias.

Quais são os sintomas da microfobia?

Como acontece com qualquer fobia, os sintomas da microfobia variam de acordo com pessoa, dependendo do seu nível de medo. Os sintomas normalmente incluem extrema ansiedade, medo, pânico, falta de ar, respiração rápida, batimento cardíaco irregular, sudorese, náuseas, boca seca, dificuldade para articular palavras ou frases, e agitação.

Tratamentos para microfobia 

Medicamento pode ser prescrito, mas note que estes medicamentos podem ter efeitos colaterais e / ou sistemas de abstinência que podem ser graves. É também importante notar que os medicamentos não curam fobias, na melhor das hipóteses apenas vão suprimir os efeitos indesejáveis temporariamente. No entanto, existem tratamentos para fobias, que incluem aconselhamento, psicoterapia, hipnoterapia, programação neuro-linguística.


Quer ler o site sem anúncios + conteúdo exclusivo?
☆ Assine o Psicoativo Premium





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.