Psicose afetiva: sintomas, causas e tratamentos

Que sinais nos alertam que poderíamos estar diante de um distúrbio de psicose afetiva? O termo psicose é usado para descrever doenças que afetam as funções mentais e podem levar a não discernir a realidade.

Psicose afetiva é uma doença que não tem cura, afetando principalmente os jovens. Psicose significa distanciamento emocional da realidade grave, bem como as dificuldades de se envolver em relações com os outros. Quais são os sintomas que revelam isso? Por que ela aparece? Qual é o tratamento mais adequado? Estas são algumas das perguntas que tentaremos responder.

Psicose afetiva

Sintomas

Os sintomas da psicose afetiva variam de pessoa para pessoa e até mesmo mudam ao longo do tempo. Nos estágios iniciais, os sintomas podem passar despercebidos. Entre os mais comuns, mudanças de humor e confusão mental. Os pacientes geralmente se expressam de uma forma confusa, e têm dificuldade para se concentrar ou lembrar.

Alucinações ou falsas convicções também podem ser produzidas, ou sentir, ver, ouvir e cheirar coisas que não existem.

Causas

As causas da psicose afetiva podem resultar do abuso de drogas e álcool, lesão cerebral, doenças que afetam a função cerebral (tumores, por exemplo) ou como um resultado de estresse forte. Alguns especialistas também apontam para fatores biológicos. Alguns episódios da vida, como a solidão ou o desemprego, podem nos tornar mais vulneráveis ​​à doença. Embora acreditemos ser é uma doença de adultos, também pode haver a psicose infantil. As respostas emocionais podem ser tristeza, mal-estar, insônia, apatia, ansiedade e baixa auto-estima.

Tratamento para psicose afetiva

O tratamento dependerá da origem da doença, bem como a duração dos sintomas. É essencial fazer uma visita ao médico ou psicólogo para ter um diagnóstico preciso e tratamento adequado. Por causa da inação, o problema pode se agravar, em casos mais graves gerar pensamentos suicidas.

Psicose afetiva é tratável com medicamentos; sendo que em alguns casos requer a admissão do paciente no hospital durante um curto período de tempo. O tempo de recuperação pode variar de uma pessoa para outra.

Terapias psicológicas podem ajudar bastante, e são essenciais para evitar recidivas (recaídas).



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.