Atividade física reduzida após menopausa ligada a mudanças no cérebro

Ageísmo - mulher jovem e mulher velha idosaMulheres na pós-menopausa muitas vezes experimentam o ganho de peso. Isso foi muitas vezes explicado pelas mudanças no estado hormonal. Novas evidências sugerem, contudo, que este fenômeno está associado com alterações do cérebro, mais especificamente, com a redução do nível de sinalização de dopamina. Isto leva à diminuição da estimulação do centro de prazer e falta de motivação para ser mais ativa fisicamente. A ativação de receptores de dopamina pode potencialmente inverter este processo.



Referências

Young-Min Park, Jill A. Kanaley, Jaume Padilla, Terese Zidon, Rebecca J. Welly, Matthew J. Will, Steven L. Britton, Lauren G. Koch, Gregory N. Ruegsegger, Frank W. Booth, John P. Thyfault, Victoria J. Vieira-Potter. Effects of intrinsic aerobic capacity and ovariectomy on voluntary wheel running and nucleus accumbens dopamine receptor gene expression. Physiology & Behavior, 2016; 164: 383 DOI: 10.1016/j.physbeh.2016.06.006

Via Brain Blogger


Quer ler o site sem anúncios + conteúdo exclusivo?
☆ Assine o Psicoativo Premium





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.