Origens da Teoria da Aprendizagem Social de Albert Bandura

Antes da Teoria de Aprendizagem Social havia vários pesquisadores que identificaram pequenas dificuldades com o behaviorismo que permitiram a Albert Bandura construir sua teoria.

albert-bandura

Leia: 5 Diferenças entre Behaviorismo e Teoria da Aprendizagem Social

Kohler (1927) mostrou que os macacos poderiam construir novas soluções para os problemas de “insight de aprendizagem”, mostrando que mesmo os animais desempenharam um papel mais ativo na aprendizagem do que o Behaviorismo permitia.

Tolman & Honzík (1930) demonstraram que ratos podem aprender sem reforço e lembrar de “mapas cognitivos” internos de labirintos pelos quais tinham acabado de passar. Eles não usaram estes mapas até que o reforço os motivou a usar, mostrando que uma distinção deve ser feita entre aprendizagem e desempenho.

Rotter (1954) demonstrou que a personalidade pode influenciar as respostas ao condicionamento, mostrando que fatores cognitivos poderiam ter um efeito sobre a aprendizagem.

Sozinho, nenhum deles forneceu provas suficientes para reduzir a influência do behaviorismo, mas combinado com o interesse de Bandura na modelação social, a representação mental e determinismo recíproco que forneceu a base para uma mudança na teoria de aprendizagem.





DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.