Cientistas descobrem por que a “viagem de ácido” do LSD dura tanto tempo

LSD, também conhecido como “ácido”, é uma droga que causa alucinações e outros efeitos que podem durar até 12 horas. Justamente esses efeitos do LSD tão duradouros tem deixados perplexos os cientistas, até agora. Pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade da Carolina do Norte revelam o segredo da longevidade psicodélica do LSD.

LSD como remédio para depressão e ansiedade

Os efeitos da droga LSD geralmente começam dentro de 30 minutos e, dependendo da dose tomada, podem durar 12 horas.

Leia também:

A molécula de LSD torna-se cunhada, selada no receptor da serotonina

Pesquisadores de pós-doutorado Daniel Wacker, Ph.D., e Sheng Wang, Ph.D., conduziram experimentos para capturar imagens de cristalografia de uma molécula de LSD ligada a um receptor de serotonina no cérebro humano – um método que cria imagens capazes de exibir como os átomos de uma molécula são arranjados.

Os resultados do estudo estão publicados na revista Cell.

Os pesquisadores descobriram que a molécula LSD foi cunhada no receptor de serotonina em um ângulo inesperado. Além disso, o pesquisador de pós-doutorado John McCorvy da UNC, Ph.D., descobriu que parte do receptor de serotonina tinha dobrado sobre a molécula LSD “como uma tampa”, que selou a droga dentro. Esta ação explica porque os efeitos do LSD podem levar horas para desaparecer.

“Uma vez que o LSD entra no receptor, uma tampa vem sobre o LSD, por isso ele é basicamente preso no receptor e não pode sair”, explica Roth. “O LSD leva um tempo muito longo para entrar no receptor, e então, uma vez que ele entra, ele não sai”, acrescenta.

Eventualmente, a tampa se move ao redor e libera algumas das moléculas LSD dos receptores. As células cerebrais, mais cedo ou mais tarde, respondem às restantes moléculas de LSD atraindo os receptores e o LSD dentro das células, onde são quebrados. Sugere-se que este momento seja o ponto em que a viagem ácida termina.

Uma compreensão mais aprofundada pode abrir caminho para novas drogas psiquiátricas

Os pesquisadores apontam que a compreensão do mecanismo que impulsiona as ações potentes e duradouras do LSD no corpo pode auxiliar os desenvolvedores de drogas a desenvolver medicamentos psiquiátricos mais eficazes e com menos efeitos colaterais.

Leia também:

Vídeo sobre o potencial do LSD como medicamento no nosso canal no Youtube:


Via Medical News Today.



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.