Cientista explica a função psicológica de Elogiar quem morreu

Nova pesquisa sugere que as pessoas elogiam o falecido porque isso ajuda a mitigar angústia e preocupações sobre a morte em geral.

O estudo, publicado na revista Motivation and Behavior, descobriu que as pessoas tendem a elogiar espontaneamente e idealizar uma pessoa quando imaginam a morte dessa pessoa, mesmo que não se sintam pessoalmente perto dela.

O estudo também descobriu que elogiar o falecido atenuou a angústia e as preocupações despertadas pela morte.

O PsyPost entrevistou o autor do estudo, Joseph Hayes da Universidade Acadia.

Psypost: “O que a pessoa média deve tirar de seu estudo?”

Joseph Hayes: “Em geral, estou sempre intrigado quando me sinto obrigado a dizer ou fazer alguma coisa. Eu sempre me pergunto “de onde vem essa compulsão ou tendência motivacional?”. A conclusão desta pesquisa é que a consciência da morte desempenha um papel muito maior em nossas vidas diárias do que a maioria das pessoas percebe. Alguns pesquisadores até argumentam que todo o nosso modo de vida cultural gira em torno de negar a morte e manter as ansiedades relacionadas com a morte em segredo.

Essas tendências de amortecimento da ansiedade são especialmente fortes nos momentos em que somos realmente confrontados com a morte de alguém que conhecemos. Como resultado, nosso estilo de vida cultural evoluiu e trouxe scripts prontos para lidar com essas situações, e chamamos esses scripts quase automaticamente em momentos de necessidade. De fato, a institucionalização de um elogio em uma cerimônia fúnebre representa um exemplo perfeito desse tipo de script em ação.

Sentimo-nos compelidos a dizer coisas legais sobre o falecido e a continuar sua memória para que sua vida seja vista como tendo sido significativa ao invés de sem sentido. Isso, por sua vez, ajuda-nos a sentir que a vida em geral é significativa e nos ajuda a continuar, apesar de sabermos muito bem que é apenas uma questão de tempo antes de sermos os que estão nos caixões.”


O estudo foi entitulado “Praising the dead: On the motivational tendency and psychological function of eulogizing the deceased“, algo como “Elogiando os mortos: Sobre a tendência motivacional e função psicológica de elogiar o falecido”.

Leia também:


Assista (e se inscreva no nosso canal do Youtube):


 



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.