Síndrome da bexiga tímida: Quando urinar em público é um problema

Você tem dificuldade para urinar em público? Você não está sozinho.

Um a dois milhões de americanos não podem urinar se há alguém no banheiro (será que tem alguma pesquisa sobre isso no Brasil?). Estas pessoas, a maioria homens, sofrem de um transtorno de ansiedade social chamado parurese, também conhecida como síndrome da bexiga tímida, bexiga tímida ou timidez de bexiga.

O transtorno pode variar de leve a grave.

Síndrome da bexiga tímida

O que é Síndrome da Bexiga tímida / Parurese?

A ansiedade muitas vezes faz com que a tensão muscular torne difícil relaxar os músculos. A fim de urinar, você precisa relaxar um conjunto de músculos do esfíncter. Quando você era treinado a urinar quando criança, você aprendeu a manter esses músculos em um estado de tensão a menos que você quisesse urinar. Os sentimentos de auto-consciência induzidos em algumas pessoas quando os outros estão presentes parecem interferir com a habilidade de relaxar os esfíncteres. Parurese tende a ser uma doença ao longo da vida que pode causar sofrimento significativo em sua vida cotidiana.

Para a maioria das pessoas que sofrem de síndrome da bexiga tímida, o problema é um inconveniência suave. Você pode ter alguma dificuldade para urinar quando há alguém próximo ao mictório ou na cabine ao lado. Para os homens, ir em direção a uma cabine em vez de um mictório normalmente é tudo o que é necessário.

No entanto, se você tem uma forma mais grave da parurese, você provavelmente acha que é extremamente prejudicial para a sua vida.

Você pode ter que estar em casa sozinho, a fim de usar com sucesso o banheiro. Certos odores, sons ou outras distrações podem também causar-lhe problemas. Alguns paruréticos transportam kits de cateter de modo que eles podem usar quando necessário. Outros buscam psicoterapia ou hipnose para ajudá-los a resolver o problema.

Os gatilhos da síndrome de bexiga tímida

Parece haver três disparadores específicos para pessoas que sofrem de parurese:

  1. A familiaridade com as pessoas no banheiro. A menos que você conheça as pessoas, você provavelmente vai se sentir desconfortável.
  2. Quão perto as outras pessoas no banheiro estão. Elas podem ouvi-lo? Parte da síndrome de bexiga tímida está em se sentir como se estivesse em uma performance onde todo mundo está assistindo e / ou ouvindo e julgando você, assim, ter outras pessoas nas proximidades ou sem portas pode fazer você se sentir como você não tem privacidade e tornar a situação ainda pior.
  3. Ter sensação de ansiedade, medo ou ficar chateado com outra coisa, inclusive se sentir pressionado para terminar rapidamente.

Os tratamentos para a síndrome da bexiga tímida

Parurese é muito tratável. Se você tem problemas significativos em usar banheiros públicos, consulte o seu médico. Seu médico provavelmente irá fazer um exame físico primeiro para descartar quaisquer problemas físicos que poderiam estar causando a sua dificuldade.

Muitos estudos têm demonstrado que a terapia cognitivo-comportamental (TCC) ajuda, pelo menos, 4em cada 5 pessoas que sofrem com síndrome de bexiga tímida a melhorarem.

Dessensibilização sistemática é um tratamento comportamental que é frequentemente utilizado para ajudar os sofredores a lidar com sua síndrome da bexiga tímida. Ela envolve o uso de um “amigo do xixi” (nome péssimo, releve), que está presente quando você precisa urinar. Essa pessoa pode começar na sala com a porta aberta. Quando torna-se mais fácil iniciar um fluxo de urina, o amigo, gradualmente, posiciona-se cada vez mais perto. As técnicas de relaxamento são muitas vezes utilizadas em conjunto com esta abordagem.


Referências:

Steven Soifer, MSW, Ph.D., George Zgourides, Psy.D., and Joe Himle, MSW, Ph.D. “About Avoidant Paruresis.” International Paruresis Association (2016).

“Paruresis Fact Sheet.” International Paruresis Association (2016).



DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.