Estatísticas chocantes sobre quem ajuda em emergências médicas

Quem coloca um cobertor sobre alguém, coloca pressão sobre uma ferida ou simplesmente oferece um copo de água?

acidente de transito

Apenas cerca de 2,5% das pessoas recebem ajuda de estranhos em uma emergência médica pública, diz nova pesquisa. Para os afro-americanos a notícia é pior: apenas 1,8% foram ajudados por um estranho em comparação com 4,2% dos caucasianos.

Os números referem-se a obtenção de ajuda de estranhos antes do pessoal médico de emergência chegar.

Dr. Erin Iorque Cornwell, autor principal do estudo, disse:

“É muito surpreendente e decepcionante encontrar taxas tão baixas de pessoas ajudando outros e que os pacientes afro-americanos e aqueles em países mais pobres são deixados à esperar mais tempo para obter ajuda.”

O tipo de assistência à transeuntes pode inclui colocar um cobertor sobre alguém, colocar pressão sobre uma ferida ou simplesmente oferecer um copo de água.

Dr. Cornwell disse:

“Nós encontramos evidências de que os espectadores podem fornecer ajuda em uma enorme variedade de cenários, mas as taxas de intervenção são incrivelmente baixas.”

As conclusões vêm de uma análise de quase 22.500 pacientes que sofreram uma emergência médica.

Alguns bairros podem tornar mais difícil para as pessoas ofereceren ajuda. Dr. Cornwell disse:

“Quando você tem um ambiente de bairro onde as pessoas não conhecem umas as outras, onde as pessoas têm receio de estranhos na rua, e alguém precisa de ajuda naquele momento, as pessoas podem mais provavelmente apenas desviar o olhar ou continuar caminhando sem dar uma mão.”

O próprio fato de que as pessoas não tendem a ajudar uns aos outros em  bairros mais desfavorecidos pode estar contribuindo para a saúde mais pobre nestas áreas. Dr. Cornwell disse:

“As disparidades na saúde em toda a raça são persistentes e crescentes em muitos casos. Nós realmente não temos uma boa compreensão das razões pelas quais nós vemos tais grandes disparidades. Estes processos do dia-a-dia podem ser um importante contribuinte.”

O estudo foi publicado no American Journal of Public Health  ( Cornwell & currit de 2016 ).

___________________________________________________________________

Eu já falei aqui também do Efeito espectador / Efeito Genovese (Negação de ajuda na frente dos outros) – “um fenômeno social em que pessoas são menos propensas a oferecer ajuda a outras, quando há mais pessoas ao redor que também podem fornecer assistência.”

___________________________________________________________________

Imagem via Shutterstock

Via Psyblog


DEIXA O LIKE AÍ COMO REFORÇO POSITIVO PRA GENTE :D CURTE E COMPARTILHA E VAMOS LEVAR A PSICOLOGIA AOS CONFINS DO UNIVERSO! \o/\o/\o/\o/\o/


🔴 COMENTA AÍ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.